terça-feira, 9 de novembro de 2010

MULHERES QUE VOCÊ DEVE CONHECER


MULHERES QUE VOCÊ DEVE CONHECER

Alguma vez você já quis muito ter uma amiga íntima que passou por tudo que está enfrentando e entendesse exatamente como se sente? E que fosse alguém que também fez algumas escolhas erradas na vida? Desejaria que ela não fosse perfeita a ponto de fazer com que você se sentisse culpada ou incomodada só de estar na presença dela?
Bem-vinda ao mundo das mulheres da Bíblia! Elas viveram há milhares de anos, mas… surpresa! Muitas de suas experiências não são tão diferentes daquelas que você enfrenta hoje. Eva, a mãe de todos, por exemplo, cedeu à tentação (um bom lembrete para pensarmos antes como agir) e afetou o mundo para sempre (graças a ela, as mulheres experimentam a dor no parto…). Também temos Joquebede, cujo estilo de maternidade foi extremamente criativo: para salvar a vida do seu filho, colocou-o num cesto e deixou-o flutuar pelo Nilo! Há ainda Débora, a corajosa líder Israelita, respeitada até mesmo pelos homens de seu tempo (uma raridade naquela época).
Temos Ana, tão perturbada por causa de seus longos anos de infertilidade, que o sacerdote pensou que ela estivesse bêbada! Refletindo sobre o que fez a mulher de Jó, recebemos uma lição objetiva sobre como apoiar o marido (em vez de viver reclamando dele). Há também a garota má, Herodias, que consumou sua vingança, mesmo sem ganhar no final; e Ana, a mulher humilde e quieta que causou um impacto tremendo nos outros. Temos ainda a mulher conhecida apenas como “a mulher pecadora” (você gostaria de receber esse rótulo?) , que rompeu com as convenções sociais para ver Jesus. E se você se sente sobrecarregada porque muita gente frequenta a sua casa, conheça Priscila, a rainha da hospitalidade.
Essas mulheres, e muitas outras são de carne e osso, pessoas da vida real. São mulheres que você conhece. E talvez você se identifique com algumas delas! Assim, enquanto for lendo a respeito de cada uma, analise cuidadosamente suas próprias experiências. Saiba como elas reagiram às circunstâncias da vida. Isso poderá ajudá-la a enfrentar sua situação atual.

Lidando com a tentação: Eva
Genesis Cap. 2 Vers. 20 ao 25 e Cap. 3

Banida e enjuriada: Agar
G ênesis Cap. 16; Cap. 21 vers. 1 ao 21; Cap. 25 Vers. 1 ao 18

Por que olhar para trás nem sempre é uma boa idéia: A mulher de Ló
Gênesis Cap. 19 Vers. 1 ao 26

A mãe manipuladora: Rebeca
Gênesis Cap. 24; 25; 27

Por que beleza não é tudo: Raquel
Gênesis Cap. 29 Vers. 1; Cap. 35 vers. 20

A viúva engenhosa: Tamar
Gênesis Cap. 38; Deuteronômio Cap. 25 vers. 5 ao 10; Rute Cap. 4 vers. 12; I Crônicas Cap. 2 vers. 3 e 4;
I Crônicas Cap. 27 vers. 2 – 3; Neemias Cap. 11 vers. 4 ao 6

Uma mãe criativa: Joquebede
Êxodo Cap. 2 vers. 1 ao 10; Números Cap. 26 vers. 59

Uma mulher de coragem: Raabe
Josué Capítulos 2 e 6; Hebreus Cap. 11 vers 30 e 31; Tiago Cap. 2 vers. 24 ao 26

Uma líder admirável: Débora
Juízes Cap. 4 e 5

Uma mulher est éril e sua fé: A mulher de manoá/mãe de Sansão
Juízes Cap. 13 ao 16

Um final feliz: Noemi
Rute Cap. 1 ao 4

Esperança na infertilidade: Ana
I Samuel Cap. 1 vers. 1 até Cap. 2 vers. 21

Suportando pessoas difíceis: Abigail
I Samuel Cap. 25 vers. 2 ao 44

Uma mulher ímpia: Jezabel
I Reis Cap. 16 vers. 29 ao 34; Cap. 18 vers. 1 até 19; Cap. 21; 2 Reis Cap. 9

Criando um filho sozinha: A viúva de Serepta
I Reis Cap. 17 vers. 8 ao 24

Tudo tem um propósito: Ester
Ester Cap. 2 ao 9

Quando a tragédia chega: A mulher de Jó
Jó Cap. 1 vers. 1 até Cap. 2 vers. 10

A recompensa para quem honra a Deus: Mulher Virtuosa
Provérbios Cap. 31 vers. 10 ao 31

Compromisso do amor: A amada
Cantares de Salomão Cap. 1 ao 8

A escolha de uma esposa infiel: Gômer
Oséias Cap. 1 ao 3

Trabalhando nos bastidores: Miriã
Êxodo Cap. 2 vers. 1 ao 10; Cap. 15 vers. 19 ao 21; Números Cap. 12; Cap. 20 vers. 1; Deuteronômio Cap. 24 vers. 8 e 9;
I Crônicas Cap. 6 vers. 3; Miquéias Cap. 6 vers. 4

Vingança da realeza: Herodias
Mateus Cap. 14 vers. 1 ao 12; Marcos 6 vers 14 ao 29

Apresentando seus favoritos: A mãe de Tiago e João
Mateus Cap. 20 vers. 20 ao 28

A paciente curada: A mulher com o fluxo de sangue
Marcos Cap. 5 vers. 25 ao 34

Vale a pena ser persistente: A mulher cananéia
Mateus Cap. 15 vers. 21 ao 28; Marcos Cap. 7 vers. 24 ao 30

Os pobres são honrados: A viúva pobre
Marcos Cap. 12 vers. 41 ao 44

Um sonho realizado: Isabel
Lucas Cap. 1 vers. 1 ao 80

Uma mãe humilde a graciosa: Maria, mãe de Jesus
Mateus Cap. 1 vers. 16 ao Cap. 2 vers 23; Marcos Cap. 6 vers. 16; Lucas Cap. 1 vers. 26 ao 56; Cap. 2 vers. 1 ao 52;
João Cap. 2 vers. 1 ao 12; Cap. 19 vers. 25 ao 27; Atos Cap. 1 vers. 12 ao 14

Uma vida simples, mas de grande impacto: Ana
Lucas Cap. 2 vers. 36 ao 38

Rompendo com as convenções sociais: A mulher pecadora
Lucas Cap. 7 vers. 36 ao 50

Falada na cidade: A mulher de Sicar
João Cap. 4 vers. 1 ao 42

Escravas do “pode” e “não pode”: Maria e Marta
Lucas Cap. 10 vers. 38 ao 42; João Cap. 11 vers. 1 até Cap. 12 vers. 8

Uma amiga improvável: Maria Madalena
Mateus Cap. 27 vers. 55 até Cap. 28 vers. 10; Marcos Cap. 15 vers. 40 até Cap. 16 vers. 11; Lucas Cap. 8 vers. 1 ao 3; Cap. 24 Vers. 9 ao 12;
João Cap. 19 vers. 25 ao 27; Cap. 20 vers. 11 ao 18

Costurando muitas roupas: Dorcas
Atos Cap. 9 vers. 36 ao 42

Servindo com emoção: Rode
Atos Cap. 12 vers. 1 ao 19

Uma mulher de negócios bem-sucedida: Lídia
Atos Cap. 16 vers. 6 ao 15

Esperando em Deus: Sara
Gênesis Cap. 11 vers. 29 até Cap. 23 vers. 20; Cap. 24 vers. 34 ao 38; Cap. 24 vers. 66 até Cap. 25 vers. 11; Cap. 49 vers. 29 ao 33;
Isaías Cap. 51 vers. 1 e 2; Romanos Cap. 4 vers. 18 ao 25; Cap. 9 vers. 6 ao 9

Central de hospitalidade: Priscila
Atos Cap. 18; Romanos Cap. 16 vers. 1 ao 5; I Coríntios Cap. 16 vers. 19 ao 20

Resolvendo disputas: Evódia e Síntique
Filipenses Cap. 2 vers. 1 ao 8; Cap. 3 vers. 20 até Cap. 4 vers. 9

Transmitindo a fé: Lóide e Eunice
2 Timóteo Cap. 1 vers. 1 ao 7

segunda-feira, 3 de agosto de 2009




Sou mulher...

Preciso de amor

Não machuque meu corpo

Não desfolhe meus sentidos

Não dilacere meu coração

Não despedace meu ser

Não violente a sereia,

Que sonha, que deseja,

que ama, Que reparte,

que se dá por inteira

Trocando insultos Por migalhas de amor...

Não maltrate, não machuque,

esquartejando meu espírito magoado,

Capenga, esfacelado, maltrapilho,

Que perde o equilíbrio mental

Fantasiando o real num pranto doído...

Sou mulher...

Só preciso de amor.

muito amor!...

Para erguer a cabeça

Sonhar com muitos verões

Para formar cidadãos

Para construir o amanhã...

Preciso de cabeça, corpo e membros

Preciso do meu espírito altaneiro,

Pois de mim depende o amor

e faz a paz brotar

No imenso jardim florido

Da harmonia universal...

Sou mulher...

Construo esse imenso mundo!

Sou responsável por mim

Sou responsável por você

responsável pelo elo da união

Que faz progredir uma nação.

Assim, denuncio o dêsAMOR

Para provar meu amor!



de Jânia Souza

PODER DA ORAÇÃO

Loading...